[E-book] Dicas para trabalhar Home Office: você está preparado?

Maria Vittorello | julho de 2020

As inovações tecnológicas foram capazes de mudar completamente alguns hábitos e práticas. Entre elas, podemos citar as dinâmicas de trabalho, como o Home Office. Mas, será que sua empresa já se adapta bem a esse novo cenário? É isso que você vai descobrir nesse e-book com dicas para trabalhar Home Office!

Nós, da NeoAssist, em parceria com a GHFly, Rock Content e Treasy preparamos um material completo sobre o tema. Para conferir tudo na íntegra, basta clicar aqui e baixar o e-book!

O que você vai encontrar no e-book?

dicas para trabalhar home office

Como falamos, as novas tecnologias alteraram completamente algumas práticas do mercado. A começar pela eliminação das distâncias, permitindo, assim, que alguns funcionários realizassem suas funções mesmo longe das empresas. É o caso do Home Office.

Porém, apesar de algumas marcas já adotarem esse modo de trabalho antes da pandemia do Covid-19, ele chegou com mais força recentemente. E, neste e-book sobre dicas de Home Office, você poderá se aprofundar muito mais sobre o tema. Nele, você confere:

  • O que é Home Office;
  • Qual a diferença entre Home Office e trabalho externo;
  • O que a lei diz sobre o Home Office;
  • Qual o cenário atual do Home Office no Brasil;
  • Os principais benefícios do Home Office para empresas e colaboradores;
  • Quais os desafios do Home Office para o colaborador;
  • Quais práticas podem ser adotadas para melhorar o Home Office;
  • Impacto econômico com o Home Office;
  • Conclusão.

Então, não perca tempo e baixe agora mesmo o e-book sobre as dicas para trabalhar Home Office! Ou você vai correr o risco de não conseguir acompanhar essa nova demanda e se adaptar a esse cenário?

Dicas para trabalhar Home Office: o que é? Quais as leis? E o cenário atual?

O termo Home Office pode ser traduzido para o português como “escritório em casa”. Então, já temos uma ideia do que ele significa, né? 

Desse modo, podemos falar que o profissional que trabalha em um modelo de Home Office tem a possibilidade de realizar suas funções fora do escritório ou ambiente corporativo. Porém, isso exige uma estrutura adequada, certo? 

Uma boa dica é usar canais para a comunicação interna – como as videoconferências – e, assim, manter o time alinhado. Podemos citar algumas funções que se encaixam nesse método, como: programação, atendimento ao cliente, vendas digitais, produção de conteúdo, etc. 

Mas, não confunda o home office com o trabalho externo! Eles são modos de trabalho completamente diferentes, ok? Para saber quais as suas principais diferenças, baixe agora mesmo o e-book dicas de Home Office

Leis e cenário atual

dicas para trabalhar home office & leis

É importante destacarmos que o modelo de Home Office é reconhecido e regulamentado pela CLT (Consolidação das Leis do Trabalho).  Portanto, os benefícios dos funcionários, como 13º salário e férias, se mantém nas leis. Mas, lembre-se sempre de que todos os pontos acordados entre empresa e colaborador devem estar especificados em contrato.

No entanto, o vale-transporte é um dos pontos de mudança. Para saber exatamente o que foi alterado, leia na íntegra nosso material sobre dicas para trabalhar home office!

Além disso, ao analisarmos o cenário atual, percebemos um crescente aumento do Home Office como modo de trabalho. Isso acontece porque há uma grande parte das funções exercidas pelos profissionais não exigem um espaço comercial. Ao contrário, a exigência acaba por conta do acesso à internet, softwares e instrumentos que eram disponibilizados no ambiente corporativo. Como o headset para operadores de atendimento, por exemplo.

Então, se a empresa tem os recursos necessários para oferecer o Home Office a seus colaboradores, por que não testar esse modelo? Não se esqueça de que ele pode trazer grandes benefícios, tanto aos funcionários quanto às marcas.

Dicas para trabalhar Home Office: benefícios e desafios

Entre os benefícios do Home Office para os colaboradores, podemos citar as melhorias na qualidade de vida, por exemplo. Não se esqueça de que esse ponto tem total relação com uma das vantagens para as empresas: o aumento na satisfação e motivação no trabalho. Isso porque ao manter uma cultura organizacional focada no bem-estar de seus funcionários, o relacionamento entre empregado e empregador se torna muito mais forte e benéfico. 

Como consequência, isso nos leva à outra vantagem do Home Office: o aumento da produtividade dos colaboradores. Um bom exemplo do porquê é o fato deles não precisarem demorar muito tempo no trajeto de ida e volta da empresa. 

Mas, não se esqueça de conferir se todos eles têm condições adequadas (como ambiente silencioso) para trabalhar em casa, ok? Esse pode ser um dos desafios do Home Office para os colaboradores. Além disso, as distrações também devem ser pontos de atenção. E evitá-las é essencial para manter um bom desempenho.

Quer saber quais os outros benefícios e desafios desse tipo de trabalho? Então, não perca tempo e baixe agora nosso e-book sobre as dicas de Home Office!

Dicas para trabalhar Home Office: quais as melhores práticas para melhorá-lo?

dicas para trabalhar home office

Assim como falamos, contar com uma boa internet é essencial e está entre as dicas de Home Office. Em contrapartida, se a conexão for lenta ou cair com frequência, ela pode prejudicar consideravelmente o desempenho dos colaboradores. Além, é claro, de causar estresses desnecessários.

Outra boa dica de Home Office é manter a organização. Assim como no ambiente corporativo, é extremamente importante que os colaboradores estejam em um ambiente limpo e organizado. Caso contrário, uma mesa bagunçada também pode ser sinônimo de um ambiente caótico e improdutivo.

Mas, chega de spoiler, né? Para conferir as outras dicas para trabalhar Home Office, clique aqui e confira o material

E o impacto econômico?

Como falamos, o cenário de crise obrigou muitas empresas a reinventarem suas dinâmicas de trabalho. E esse cenário impactou grandemente a adesão do Home Office em diversas organizações. 

Mas, qual o impacto econômico desse modelo? Como o Home Office não exige um ambiente corporativo, um de seus benefícios para as empresas é a redução de custos com espaços físicos, consumo de energia, aluguel, etc. 

Dessa maneira, sua empresa pode trabalhar melhor o fluxo de caixa e focar em novos resultados para o negócio. Mesmo porque um fôlego a mais é uma grande ajuda, né?

Então, não perca mais tempo e baixe nosso e-book sobre dicas para trabalhar home office! Ao final, você pode conferir nossas sugestões de como fazer um bom planejamento e garantir sua gestão orçamentária. Não se esqueça de que ele é uma parceria com empresas de peso como GHFly, Rock Content e Treasy. Você não vai perder, né?

Maria Vittorello