Community Marketing e a inovação no relacionamento com o cliente

Maria Vittorello | maio de 2019

O mercado e a relação entre marca e cliente mudou muito ao longo do tempo e a distância que existia entre eles ficou no passado. Hoje, manter um relacionamento entre os dois é extremamente necessário e se apresenta como pré-requisito para um serviço qualitativo. Nesse artigo, falaremos sobre Community Marketing e como ele pode estreitar a relação entre empresas e consumidores.


O que é Community Marketing?

Como já sabemos, as relações entre marcas e clientes mudaram. Com o avanço das novas tecnologias, o consumidor, que antes era passivo a todas as ações da empresa, agora exige fazer parte de cada processo da jornada de compra.

É dessa forma que o Community Marketing surge como a melhor estratégia para os negócios. Ele atua como uma comunidade interativa e online, na qual os clientes buscam mais participação e informações sobre a marca.

Ao colocar todo o seu foco no relacionamento com o cliente, as empresas buscam entregar a experiência que ele tanto merece. Assim, consumidores, seguidores e admiradores de uma instituição, que ofereça esse serviço, podem participar e ajudar a melhorar seus processos, atendimento e experiência do cliente.

Além disso, as práticas de fidelização e engajamento se mostram muito mais eficazes e as empresas dobram suas chances de atrair novos consumidores. Veremos agora algumas estratégias de Community Marketing e porque as principais marcas já se apoiam nesse segmento do Marketing Digital.

community marketing

As melhores estratégias para o bom relacionamento com o cliente

Ter uma comunidade interativa significa ter um espaço para os clientes debaterem e opinarem sobre determinada marca. Dessa forma, não são simples consumidores que adentram e participam desses grupos, e sim clientes engajados, que buscam dicas e informações sobre temas relacionados à empresa.

É certo que o grau de envolvimento desses clientes dentro da comunidade varia. Porém, é necessário voltar a atenção a todos eles, uma vez que disponibilizaram tempo para integrarem e participarem do grupo.

Tudo gira em torno da melhor comunicação entre empresa e consumidor. Além disso, esses mesmos clientes também podem oferecer ajuda e trocar experiências sobre a marca com outros clientes. É desse modo que as empresas engajam os compradores e descobrem suas principais demandas e desejos.

Descubra agora as principais práticas para diminuir cada vez mais o espaço entre o cliente e a marca:

Presença digital

community marketing

Não só dispor de uma comunidade online, mas oferecer outros tipos de serviços digitais são indispensáveis para o sucesso da marca. As redes sociais, por exemplo, configuram uma importante fonte de informação sobre o cliente. É possível saber suas dores, expectativas e a resposta instantânea sobre as ações da marca.

Desse modo, o Community Marketing também é uma forma de selecionar os clientes mais engajados. O consumidor que participa desses grupos está dedicando seu tempo para ajudar a melhorar os serviços da marca e, assim, aumentar sua satisfação dentro das empresas.

Nunca se esqueça de que o cliente é a peça-chave de seu negócio. Por isso é tão importante garantir suas demandas e melhorar sua experiência em cada procedimento.

Humanize os processos

Um dos fatores que despertam amor a uma marca é a humanização e a personalização no atendimento e em cada processo realizado.

Não adianta ter um produto ou serviço de qualidade se o foco não está no consumidor. Por esse motivo, é extremamente necessário centrar toda a atenção na experiência que será proporcionada a ele.

Ao evidenciar a importância de cada cliente e fazê-lo perceber que sua voz é essencial para o sucesso da empresa, o Community Marketing aproxima a relação entre os dois. Além de fidelizá-los e engajá-los, essa prática é essencial na conquista de novos consumidores.

Eduque e engaje os clientes

Os clientes participantes de uma comunidade online esperam por dicas e mais informações sobre uma marca. Desse modo, a publicação constante de artigos se torna um importante fator.

Ao fornecer dicas e exemplos de procedimentos, o cliente perceberá que sua experiência conta muito para as empresas. Desse modo, é possível não só satisfazer e fidelizar os consumidores, mas também atingir em cheio seu público-alvo.

Clientes satisfeitos divulgam serviços de qualidade a outros, do mesmo perfil. Então, disponha de materiais úteis e educativos para fidelizar essa relação e contribuir para o sucesso dos negócios.

A importância do feedback

community marketing

Por meio das redes sociais e das comunidades interativas, as empresas podem descobrir expectativas, dores e demandas do cliente. Além disso, quando algo é lançado, é possível saber a reação de cada um deles por meio desses serviços.

Assim, com o crescimento, cada vez maior, da influência das empresas na comunidade, a compreensão do público-alvo também aumentará. Logo, é fundamental prestar atenção nos feedbacks do cliente e entregar aquilo que ele deseja.

A satisfação do consumidor anda ao lado do sucesso da marca. Lembre-se sempre de olhar para o principal elemento de seu negócio e entregar a melhor experiência a ele.

Cases de sucesso

Nessa altura do campeonato, você já deve ter notado a importância do Community Marketing para as marcas, certo? Descubra agora as empresas que estão apostando nesse serviço e quais são os resultados:

NuCommunity

É uma plataforma que a Nubank lançou recentemente para atender as demandas de seus consumidores. Apesar de estar em fase de testes, qualquer um já pode participar.

Ela conta com um sistema onde os membros mais engajados ganharão classificações indicadas por selos. Tudo isso aumenta o engajamento do cliente e ajuda a marca a entregar uma melhor experiência a ele.

Nike

Em sua página do Facebook, a Nike oferece serviços técnicos rápidos e efetivos, além de chamadas atrativas e vídeos interativos.

Assim, as reações e os comentários dos clientes são uma forma de compreender seus pensamentos e suas demandas. É desse modo que o consumidor se sente especial dentro da marca e percebe que vale a pena se envolver e se aproximar dela.

Starbucks

A criação de uma página para ouvir as ideias dos clientes e poder implementá-las no futuro engaja cada vez mais os consumidores do Starbucks.

Como já dissemos, quando o cliente se sente visto dentro de uma empresa, sua fidelidade é quase instantânea e ele contribui muito para o sucesso do negócio.

Conclusão

community marketing

Nunca se esqueça de que o cliente deseja cada vez mais ter importância e voz dentro de uma empresa. Assim, por meio do Community Marketing é possível enxergar o posicionamento e a visão de cada um deles sobre os serviços prestados.

Consumidores estão cansados de marcas que os tratam com indiferença e não se preocupam com sua experiência dentro de suas etapas ou procedimentos. Portanto, volte sua atenção ao cliente e se atente às suas demandas e expectativas. Só assim é possível entregar um serviço realmente qualitativo e uma melhor experiência a ele.


 

Maria Vittorello